skip to Main Content
Qual A Melhor Opção: Trailer Ou Motorhome?

Qual a melhor opção: trailer ou motorhome?

Autora: Yasmin Duarte

Possivelmente, a primeira pergunta que todo amante ou curioso por motorhomes faz é: qual é o modelo ideal para minha viagem? A resposta você vai descobrir ao continuar lendo esse artigo…

No Brasil, a prática de viajar a bordo de um motorhome vem crescendo cada vez mais. Dessa maneira, é importante entender um pouco sobre o veículo e suas funcionalidades na hora de escolher o modelo ideal para sua viagem.

Dentre os apaixonados por aventura, as preferências variam, é verdade. Mas, um fato é unânime: a pesquisa. “Esta é uma pergunta muito pessoal, porque depende muito de cada um, do seu estilo de vida. Para mim, o Camper satisfaz plenamente”, confessa Luiz Gomes, de São Carlos.

Já para Erick Ribeiro e Débora Andreta, que estão com os pés na estrada há um tempo, a resposta é um pouco diferente: “Para nós, um motorhome deve ser escolhido principalmente pela qualidade do motor e um layout interno que proporciona mobilidade, conforto e qualidade de vida”.

Antes de entender o que é o mais importante dentro e fora de um veículo, no entanto, é necessário compreender exatamente o que você está buscando: um trailer ou um motorhome?

Qual a diferença entre trailer e motorhome?

Tanto o trailer quanto o motorhome são considerados uma “casa sobre rodas”. A parte interna dos veículos recreativos possuem quase a mesma estrutura, entre elas podemos citar camas, mesa, fogão, geladeira, ar condicionado, bancos, lavatório, privada e chuveiro.

Porém, não devemos considerar essas palavras sinônimos, já que o motorhome é construído sobre o chassi de vans, ônibus e caminhões, enquanto o trailer funciona com um engate, como se fosse uma residência acoplada a um veículo.

Mas, mesmo quando se opta por um dos modelos, as dúvidas ainda podem ser muitas. Entre os motorhomes, por exemplo, há diversas opções de tamanhos — que vão desde os mais compactos e acolhedores, para casais e viagens mais curtas, até aqueles com suporte para até 10 passageiros.

Rachel Bracony, CEO da Wheelstels, agência de turismo especializada em viagens a bordo de veículos recreativos, explica a diferença entre os motorhomes: “A distinção entre os veículos se dá geralmente pelo tamanho, pois a parte interna quase sempre possui todos os itens comuns de uma casa. Quanto maior o veículo, maior o espaço e a liberdade dentro dele”.

Paralelamente, ela pontua que quando se viaja com um trailer a experiência é diferente, pois o mesmo necessita ser rebocado por um carro. Nesse sentido, é preciso se atentar ainda ao veículo usado, que sempre deve respeitar as condições de reboque e tração.

Por outro lado, as campervans são a sensação do momento. Muito procuradas por pessoas preocupadas com a facilidade para acessar lugares estreitos ou difíceis com o motorhome e um menor custo no preço total, as campervans geralmente são usadas para roadtrips pequenas e transportam entre 2 a 5 passageiros. O seu interior possui o essencial para a vivência, já que o espaço interno não é amplo; algumas possuem o banheiro como item opcional. A principal vantagem, nesse caso, é que o veículo pode ser dirigido por pessoas habilitadas na categoria B.

Aliás, um dos primeiros cuidados ao optar por um motorhome diz respeito à habilitação. De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), a carteira B permite que sejam conduzidos motorhomes de até 6.000 kg de peso bruto total e transportar, no máximo, 8 passageiros. Já a carta D não estipula limite de passageiros no motorhome.

Além do tamanho, outras características distinguem os motorhomes, dividindo-os em classes.

Qual o melhor custo-benefício?

O modelo escolhido também pode — e certamente vai — interferir no custo da viagem, tanto nos gastos com combustíveis, como nos pedágios e campings.

Quando falamos do trailer, temos que levar em consideração que se trata de um carro rebocando um compartimento. Ou seja, na hora de passar pelo pedágio os eixos são somados e isso encarece a viagem.

Outro ponto negativo é o acesso durante a viagem. No trailer, se os passageiros precisarem de algo em seu interior durante o percurso, é necessário parar em um local apropriado, sair do carro e entrar no trailer. No motorhome, a circulação entre os ambientes é livre. Além disso, o trailer possui menor estabilidade que um motorhome.

Rachel aponta, no entanto, para uma grande vantagem do veículo: “Quando se está viajando em um trailer, também se tem muito mais liberdade e mobilidade no destino. Por exemplo, chegando no camping, você estaciona o trailer, desengata o carro e fica com o veículo disponível para se aventurar pela região”.

Enquanto isso, no motorhome um dos pontos negativos é o tamanho, que pode atrapalhar a circulação. Os motorhomes Classe A, geralmente construídos sobre o chassis de um ônibus, possuem pouca mobilidade em estradas de terra e morros, tendo poder exploratório limitado. Por isso, os veículos deste porte geralmente ficam estacionados nos campings e seus passageiros desfrutam a região alugando carros ou contratando traslados.

As campervans, versões reduzidas dos motorhomes, se destacam nesse novo cenário por serem veículos leves, fáceis de dirigir, que enfrentam vários tipos de terrenos e são bem econômicas quando se fala de combustível e pedágio.

Como avaliar a mecânica?

Se até aqui foram pontuadas as principais diferença estéticas entre o motorhome e o trailer, outro fator determinante na decisão sobre o melhor carro a se adquirir diz respeito à mecânica.

Para ajudar nessa missão, separamos algumas dicas dadas pelo mecânico Igor Gado no seu canal do Youtube Gui Toledo a fim de identificar se o veículo recreativo está em boas condições para uma viagem:

  • Verifique a quantidade de km rodado do veículo; você pode saber disso falando com o proprietário do automóvel;
  • É importante ver no interior do veículo se todos os equipamentos internos estão funcionando, como gerador, ar condicionado, dedor, aquecedor e outros;
  • Antes de iniciar o passeio, certifique-se de que a troca de óleo está em dia e se o carro está com a quantidade de água suficiente;
  • As pastilhas de freio e as correias precisam estar em bom estado;
  • Verifique se o câmbio do carro está em bom funcionamento;
  • Busque por um carro que seja comum, pois assim será mais fácil e barato encontrar peças para substituir, caso precise.

Se você continua na dúvida, que tal experimentar a sensação de viajar a bordo de um motorhome com a Wheelstels, que conta com diversos pacotes de viagens pelo Brasil?

This Post Has 2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top